Cortejo de Oferendas

No âmbito das comemorações dos 430 anos da Santa Casa da Misericórdia, realizou-se em Ponte da Barca, no dia 27 de outubro, a recriação do Cortejo de Oferendas de 1955.

Os cortejos de oferendas realizavam-se com o objetivo de angariar fundos para fazer face às dificuldades financeiras resultantes da 2.ª Guerra Mundial, bem como tentar encontrar o equilíbrio das contas financeiras da Misericórdia. Nesta época Bravães tinha participado com dinheiro, madeira, mato, cereais, raparigas a tecer e a cantar (habitualmente à volta das 50 raparigas), carros com troncos de pinheiro e colmo, raparigas com cestos à cabeça, carros com vinho e raparigas com balaios.

Bravães tentou recriar de uma forma fiel o cortejo de 1955, levando uma menina com um guarda-chuva enfeitado com notas de Escudos simbolizando o dinheiro oferecido pela freguesia, dois cavaleiros a abrir o cortejo, a esturdia de mulheres e homens a cantar as quadras alusivas à Santa Casa, cerca de três dezenas de mulheres com os seus balaios à cabeça e cestas com as oferendas, cinco carrinhos de mão da época e o carro de bois carregado de mato.
A participação de Bravães foi organizada e realizada com sucessso pela Associação dos Canários de Bravães juntamente com a Junta de Freguesia.

Pin It on Pinterest